Zovirax

publicidade

Bula do remédio Zovirax. Classe terapêutica dos Antiviral. Princípios Ativos Aciclovir.

Indicação

Para que serve Zovirax?

Tratamento de infecções pelo vírus Herpes simplex em neonatos, crianças e adultos;tratamento de infecções pelo vírus Varicella zoster; tratamento da meningoencefalite herpética; profilaxia de infecções por Herpes simplex em pacientes imunocomprometidos;profilaxia de infecções pelo vírus citomegalovírus (CMV) em pacientes que receberam transplante de medula óssea. Demonstrou-se que elevadas doses de Zovirax IV reduzem a incidência e retardam o início da infecção pelo CMV. Quando elevadas doses de Zovirax IV são administradas após 6 meses de tratamento com elevadas doses de Zovirax oral, a mortalidade e a incidência de
viremia também são reduzidas.

Contraindicações

Quando não devo usar este medicamento?

Este medicamento é adequado para a maioria das pessoas, mas existem algumas pessoas que não devem utilizá-lo. Responda as questões abaixo. Se você responder “SIM” a alguma dessas questões (ou se não tem certeza se elas se aplicam a você), converse arespeito com seu médico ANTES de usar este medicamento.
Você está grávida, pretende ficar grávida ou está amamentando?
Você já teve uma reação alérgica ao aciclovir ou ao valaciclovir?
Você tem problemas nos rins ou no fígado?

Posologia

Como usar Zovirax?

Zovirax 250 mg injetável
Quando reconstituído, é estável por 12 horas a 15-25ºC, não devendo ser refrigerado. A dose necessária de Zovirax IV deve ser administrada por infusão intravenosa lenta, pelo período de 1 hora. Cada frasco de Zovirax IV deve ser reconstituído por meio da adição de 10 mL de água para injeção ou infusão intravenosa de cloreto de sódio (0,9% p/v). Isso proporciona uma solução contendo 25 mg de aciclovir por mL. Para reconstituição de cada ampola, adicionar o volume recomendado do fluido de infusão e agitar levemente, até que o conteúdo
esteja completamente dissolvido. Após a reconstituição, Zovirax IV, pode ser injetado por meio de uma bomba de infusão controlada. Alternativamente a solução obtida após a reconstituição de Zovirax IV pode ser diluída, proporcionando uma concentração de aciclovir não superior a 5 mg/mL (0,5% p/v) para administração por infusão. O volume necessário da solução reconstituída de Zovirax IV deve ser adicionado ao fluido de infusão de escolha e a mistura deve ser bem agitada para garantir sua homogeneização. Para crianças e recém-nascidos, nos quais é aconselhável o uso de um volume mínimo de infusão, é recomendado que a diluição ocorra com 4 mL de solução reconstituída (100 mg de aciclovir) para 20 mL de fluido de infusão. Para adultos, é recomendado que as bolsas de infusão contendo 100 mL do fluido de infusão sejam utilizadas mesmo quando se obtém uma concentração de aciclovir menor que 0,5% p/v. Assim, uma bolsa de infusão contendo 100 mL pode ser usada para qualquer dose entre 250 e 500 mg de aciclovir (10 e 20 mL de solução reconstituída) e uma segunda bolsa de infusão deve ser usada para dose entre 500 e 1.000 mg. Quando diluído de acordo com os esquemas recomendados, Zovirax IV é compatível com os fluidos de infusão e estável por até 12 horas à temperatura ambiente 15-25ºC.

Zovirax comprimidos 200 mg
Tratamento de herpes simples em adultos: um comprimido de Zovirax 200 mg, cinco vezes ao dia, com intervalos de aproximadamente 4 horas, omitindo-se a dose noturna. O tratamento deve continuar por cinco dias, mas deve ser estendido
em infecções iniciais graves. Em pacientes gravemente imunocomprometidos (por exemplo, após transplante de medula óssea) ou em pacientes com distúrbios de absorção intestinal, a dose pode ser duplicada (400 mg) ou, alternativamente, pode-se considerar a administração de doses intravenosas.
A administração das doses deve ser iniciada tão cedo quanto possível, após o início da infecção; para os episódios recorrentes, isto deve ser feito, de preferência, durante o período prodrômico ou imediatamente após aparecerem os
primeiros sinais ou sintomas. Supressão de herpes simples em adultos imunocompetentes: um comprimido de 200 mg, quatro vezes ao dia, em intervalos
de aproximadamente seis horas. Muitos pacientes podem ser convenientemente controlados com um regime de dose de 400 mg, duas vezes ao dia, com intervalos de aproximadamente 12 horas.
Uma redução da dose para 200 mg, três vezes ao dia, em intervalos de proximadamente 8 horas, ou até duas vezes ao dia, em intervalos de proximadamente 12 horas, pode mostrar-se eficaz. Em alguns pacientes, podem ocorrer reinfecções em regime de doses totais diárias de 800 mg de Zovirax comprimidos. O tratamento deve ser interrompido periodicamente, a intervalos de seis a doze meses, a fim de que se possam avaliar os progressos obtidos na história natural da doença.
Profilaxia de herpes simples em adultos: Em pacientes imunocomprometidos, recomenda-se um comprimido de 200 mg, quatro vezes ao dia, em intervalos de aproximadamente 6 horas. Para pacientes seriamente imunocomprometidos (por
exemplo, após transplante de medula óssea) ou para pacientes com problemas de absorção intestinal, a dose pode ser dobrada (400 mg) ou, alternativamente, pode-se considerar a administração de doses intravenosas. A duração da administração profilática é determinada pela duração do período de risco.
Tratamento de Herpes zoster em adultos: 800 mg cinco vezes ao dia, em intervalos de aproximadamente quatro horas, omitindo-se as doses noturnas. O tratamento deve ter a duração de sete dias. Em pacientes gravemente imunocomprometidos (por exemplo, após transplante de medula óssea) ou em pacientes com problemas de absorção intestinal, deve-se considerar a administração de doses intravenosas. A administração das doses deve ser instituída tão cedo quanto possível, após o início da infecção; o tratamento proporciona melhores resultados se for iniciado assim que apareçam as erupções cutâneas.
Tratamento em pacientes seriamente imunocomprometidos: Para tratamento em pacientes seriamente imunocomprometidos, 800 mg de Zovirax devem ser administrados, quatro vezes ao dia, em intervalos de aproximadamente 6 horas.
No tratamento de pacientes receptores de medula óssea, esta dose deve ser precedida por uma terapia de um mês com Zovirax intravenoso. A duração do tratamento estudada em pacientes após transplante de medula óssea foi de 6 meses (de 1 a 7 meses após o transplante). Em pacientes com infecção avançada pelo HIV, o tratamento estudado foi de 12 meses, mas é desejável que estes pacientes continuem o tratamento por um período maior.
Crianças: para tratamento, assim como para a profilaxia de infecções por Herpes simplex em crianças imunocomprometidas com mais de dois anos de idade, as doses indicadas são as mesmas que para adultos. Em crianças menores de dois anos de idade, deve-se administrar 200 mg de Zovirax , quatro vezes ao dia (ou 200 mg/kg - não excedendo 800 mg/dia - quatro vezes ao dia). Manter por cinco dias. Não há dados específicos disponíveis relativos à supressão de infecções por Herpes simplex ou tratamento de infecção por Herpes zoster em crianças imunocompetentes. Alguns dados limitados sugerem que para crianças imunocomprometidas com mais de dois anos a dose do adulto possa ser utilizada.
Insuficiência renal: Para o tratamento e profilaxia de infecções por Herpes simplex em pacientes com insuficiência renal, as doses orais recomendadas não conduzirão a um acúmulo de aciclovir acima dos níveis que foram estabelecidos como sendo seguros por infusão intravenosa. Entretanto, para pacientes com insuficiência renal grave (clearance da creatinina inferior a 10 mL/minuto), recomenda-se um ajuste de dose para 200 mg, duas vezes ao dia, em intervalos de aproximadamente 12 horas. Para o tratamento das infecções por Herpes zoster e na administração em pacientes seriamente imunocomprometidos, recomenda-se ajustar a dose para 800 mg, duas vezes ao dia, em intervalos de
aproximadamente 12 horas, nos pacientes com insuficiência renal grave (clearance da creatinina inferior a 10 mL/minuto), e para 800 mg, três ou quatro vezes ao dia, em intervalos de aproximadamente 8 horas, para pacientes com insuficiência
renal moderada (clearance da creatinina na faixa de 10-25 mL/minuto).
Zovirax creme 500 mg
Creme deve ser usado apenas para uso tópico (aplicação na pele)e não deve ser ingerido.Lave suas mãos antes e depois do uso de Zovirax. Creme deve ser aplicado sobre as lesões já existentes ou lesões emergentes, preferencialmente no início da infecção.
Zovirax Creme deve ser aplicado 5 vezes ao dia, em intervalos de proximadamente 4 horas, suprimindo-se a aplicação no período noturno. É especialmente importante iniciar o tratamento de episódios recorrentes durante o período prodrômico ou aos primeiros sinais de lesão. O tratamento deve continuar por 5 dias. Se não ocorrer cicatrização, o tratamento deverá ser prolongado por mais 5 dias. Se as lesões permanecerem após 10 dias, o paciente deve consultar seu médico.

Zovirax pomada oftálmica
Zovirax Pomada Oftálmica deve ser aplicado 5 vezes ao dia sobre o olho afetado, em intervalos de aproximadamente 4 horas. Após a cicatrização, deve-se continuar a aplicá-lo, no mínimo, por mais 3 dias.

Efeitos Colaterais

Quais os males que pode me causar?

Inconvenientes no estômago como mal-estar, enjôos e vômitos; tontura, tremores, perda de consciência, convulsões ou ataques epilépticos; sentindo-se deprimido, agitado, muito cansado, sonolento, confuso ou imaginando coisas (alucinações);
- febre, inchaço e vermelhidão ao redor da aplicação; contagem de células sangüíneas baixa, ocasionando um aumento no risco de infecção, cansaço ou hematomas inesperados e sangramento (p. ex., sangramento no nariz); reações na pele após exposição ao sol. Consulte seu médico imediatamente caso você sinta algum dos raros sintomas alérgicos como inchaço repentino, palpitações ou aperto no peito, colapso, inchaço das pálpebras, face, lábios ou qualquer outro lugar. Esses sintomas podem significar que você é alérgico a Zovirax Efeitos colaterais muito raros de Zovirax são hepatite, icterícia (amarelamento da pele ou dos olhos), dispnéia (dificuldade para respirar) e dor nos rins (pode estar associada à insuficiência renal).Zovirax pode afetar alguns exames de sangue e de urina, informe seu médico que você está usando este medicamento se for fazer
um exame de urina ou de sangue.

Advertências e Precauções

O que devo saber antes de usar este medicamento?

Zovirax IV, quando reconstituído, possui pH alcalino, e não deve ser administrado pela boca.

A dose de Zovirax Iv deve ser ajustada para pacientes com insuficiência renal, a fim de se evitar acúmulo de aciclovir no corpo. Em pacientes que estejam recebendo Zovirax IV em doses mais altas (por exemplo, para meningoencefalite herpética), deve-se tomar cuidado específico com relação à função renal, principalmente quando os pacientes estiverem desidratados ou apresentarem qualquer nível de comprometimento renal.

Superdosagem

O que fazer se alguém usar uma quantidade maior do que a indicada?

Superdosagem de aciclovir resulta na elevação de creatinina sérica, uréia nitrogenada no sangue e subseqüente insuficiência renal. Os efeitos neurológicos incluindo confusões, alucinações, agitação, convulsões e coma foram descritos em associação à superdosagem. Procure imediatamente seu médico ou a emergência hospitalar mais próxima, leve esta bula.

Composição

Cada frasco-ampola (Pó liofilizado) de Zovirax contém 250 mg de aciclovir (como sal sódico liofilizado) . O conteúdo de íon sódico é de aproximadamente 26 mg por frasco-ampola.

Cada comprimido de Zovirax 200 mg contém 200 mg de aciclovir. Os excipientes de 1 comprimido estão inclusos a lactose, celulose microcristalina, glicolato de amido sódico, povidona, e estearato de magnésio.

Cada 1 grama de Zovirax creme contém 50 mg de aciclovir 50 mg.Excipientes de 1g estão inclusos o poloxamer 407, álcool cetoestearílico, laurilsulfato de sódio, vaselina, parafina líquida, propilenoglicol, água purificada.

Cada 1 grama de Zovirax pomada oftálmica contém 0,03g de aciclovir e 1g de petrolato branco.

Apresentação

Zovirax comprimidos de 200 mg
Zovirax creme de 500 mg/g
Zovirax Pó liofilizado 250 mg
Zovirax pomada oftálmica 0,03 g

Interações Medicamentosas

Você está usando algum dos seguintes medicamentos: probenecida (usada para tratar gota), cimetidina (usada para tratar úlcera péptica), micofenolato de mofetila (usado para prevenir rejeições após um transplante de órgão) ou drogas que afetem outros aspectos da fisiologia renal, como, por exemplo, ciclosporina e tacrolimo. Caso esteja, converse com seu médico a respeito antes de usar este medicamento.

Laboratório

GlaxoSmithKline Brasil Ltda.

SAC: 0800 701 2233

publicidade