Voltaren

publicidade

Bula do remédio Voltaren. O genérico de Voltaren é Diclofenaco. Classe terapêutica dos Anti-inflamatórios não esteróides. Princípios Ativos Diclofenaco Sódico.

Indicação

Para que serve?

Voltaren 50 mg Comprimidos ou Supositórios é indicado para o tratamento da dor, da inflamação e da febre, dor reumática das articulações, dor nas costas, síndrome do ombro congelado, cotovelo de tenista, e outros tipos de reumatismo, crises de gota, entorses, distensões e outras lesões, condições inflamatórias dolorosas em ginecologia, incluindo períodos menstruais, infecções do ouvido, nariz e garganta.

Uso adulto - Uso Oral ou Retal

O Voltaren também pode ser encontrado em outras formas como: Voltaren Injetável, Voltaren SR 75 mg, Voltaren Retard e Voltaren Emulgel.

Posologia

Como usar?

Voltaren 50 mg Comprimidos:

A dose inicial de Voltaren Comprimidos recomendada para adultos é de 2 a 3 comprimidos, 100 mg a 150 mg, por dia. Para o tratamento de casos mais leves ou terapia a longo prazo, a dose recomendada é de 75 mg a 100 mg, podendo tomar 1 comprimido de Voltaren SR 75 mg ou 2 comprimidos de Voltaren 50 mg Comprimidos, por dia. A dose total diária de 50 mg Comprimidos deve ser dividida em 2 ou 3 doses separadas, nunca excedendo a dose máxima de 150 mg por dia. Para o tratamento da dor durante o período menstrual, a dose recomendada é de 50 mg a 100 mg, podendo tomar 1 ou 2 comprimidos de Voltaren 50 mg Comprimidos ou 1 comprimido de Voltaren Retard 100 mg, por dia. Os comprimidos devem ser engolidos inteiros, sem partir ou mastigar, com um copo de água e com alimentos.

Voltaren 50 mg Supositórios:

A dose inicial de Voltaren Supositórios recomendada para adultos é de 2 ou 3 supositórios, 100 a 150 mg, por dia. Para o tratamento de casos mais leves ou terapia a longo prazo, a dose recomendada é de 75 mg a 100 mg, por dia. A dose total diária de Voltaren Supositórios deve ser dividida em 2 ou 3 doses separadas, nunca excedendo a dose máxima de 150 mg por dia. Para o tratamento da dor durante o período menstrual, a dose recomendada é de 1 ou 2 supositórios, 50 a 100 mg, por dia, nunca excedendo a dose máxima de 200 mg por dia. Recomenda-se a aplicão de Voltaren Supositórios após defecar.

A duração do tratamento com Voltaren deve ser indicada pelo seu médico e os horários, as doses e duração do tratamento devem ser respeitados.

Efeitos Colaterais

Quais os males que pode me causar?

Alguns dos efeitos colaterais mais comuns de Voltaren incluem: dor de cabeça, tontura, vertigem, náusea, vômito, diarreia, indigestão, dor abdominal, flatulência, perda do apetite, exames de função do fígado anormais ou vermelhidão na pele com ou sem descamação.

Para além dos efeitos colaterais referidos, Voltaren Supositórios pode também causar irritação no local da aplicação.

Contraindicações

Quando não devo usar?

A administração de Voltaren é contraindicada nos seguintes casos: a pacientes com alergia ao Diclofenaco ou a outros componentes da fórmula, a pacientes que já tiveram reações alérgicas a outros medicamentos para tratar inflamação ou dor como Ácido Acetilsalicílico, Diclofenaco ou Ibuprofeno, a pacientes com úlcera ou problemas de sangramento no estômago ou no intestino, pacientes com doenças graves no fígado ou nos rins, pacientes com insuficiência cardíaca grave, a mulheres que estejam amamentando ou grávidas que estejam nos últimos 3 meses de gravidez e a crianças e adolescentes com idade inferior a 14 anos.

Farmacocinética

Como funciona?

Voltaren é um medicamento que pertence ao grupo dos anti-inflamatórios não - esteroidais - AINEs, usados geralmente para o tratamento da dor e da inflamação. O principio ativo de Voltaren é o Diclofenaco Sódico, responsável por aliviar os sintomas da inflamação, nomeadamente inchaço e dor, através do bloqueio da síntese de moléculas, prostaglandinas, que causam a dor, inflamação e febre.

Advertências e Precauções

O que devo saber antes de usar?

Antes de tomar Voltaren deverá falar com o seu médico ou farmacêutico se: estiver grávida, com suspeitas de gravidez ou amamentando, for intolerante a alguns tipos de açúcares, tem problemas no coração ou pressão arterial alta, tem problemas no fígado ou rins, tem hemorragias ou outros distúrbios no sangue, tiver doença cardiovascular ou fatores de risco significativos como pressão arterial elevada, tem níveis anormalmente elevados de gordura, diabetes, ou se for fumador, estiver a tomar outros anti-inflamatórios, tem asma ou outra doença alérgica como a rinite alérgica sazonal, já teve problemas gastrintestinais como úlcera no estômago, sangramento ou fezes pretas, ou se já teve desconforto no estômago ou azia após ter tomado anti-inflamatórios, tiver inflamação no cólon ou no trato intestinal, tiver inchaço nos pés ou se estiver desidratado. Pacientes idosos podem ser mais sensíveis aos efeitos de Voltaren, pelo que devem consultar o médico antes de iniciar o tratamento com Voltaren.

Durante o tratamento com Voltaren, se manifestar sintomas relacionados com o seu coração ou vasos sanguíneos, como dor no peito, falta de ar, fraqueza, ou fala arrastada, ou reações cutâneas alérgicas deverá consultar o seu médico imediatamente. Sempre que possível, Voltaren deverá ser administrado na menor dose, diminuindo-se assim os riscos de efeitos secundários.

Voltaren por ser um anti-inflamatório pode reduzir ou mascarar os sintomas de uma infecção, não tendo nenhum efeito na causa da inflamação ou da febre, pelo que se precisar ir ao médico deverá informa-lo de que se encontra em tratamento com Voltaren.

Quando utilizado para tratar condições inflamatórias pós-operatórias e pós-traumáticas, Voltaren permite o alivio rápido da dor espontânea associada a movimentos, diminuindo também o inchaço inflamatório e o edema do ferimento.

O tratamento com Voltaren deverá ser avaliado periodicamente pelo médico, quando administrado por mais de 4 semanas em pacientes com doença cardíaca estabelecida ou riscos significativos para doença cardíaca. Em pacientes com problema hepático renal ou sanguíneo é aconselhada a realização de exames de sangue durante o tratamento com Voltaren que irão monitorar a função hepática.

Superdosagem

O que fazer se alguém usar uma quantidade maior do que a indicada?

Em caso de toma excessiva de Voltaren deve dirigir-se ao hospital mais próximo, o mais rápido possível, levando a embalagem ou bula do medicamento. Alguns dos efeitos mais comuns que pode sentir após a toma excessiva de Voltaren são: vômito, hemorragia gastrintestinal, diarreia, tontura, zumbido ou convulsões.

Composição

Voltaren 50 mg Comprimidos:

Cada comprimido laqueado com revestimento entérico contém:

Diclofenaco Sódico ..................................................50 mg;

Excipiente q.s.p............................................1 comprimido.

(Excipiente: dióxido de silício, celulose microcristalina, lactose, estearato de magnésio, amido povidona, macrogol, polissorbato 80, talco, óxido férrico amarelo e óxido férrico vermelho, amidoglicolato de sódio, polímero de metacrilato, dióxido de titânio e hipromelose.)

Voltaren 50 mg Supositórios:

Cada supositório contém:

Diclofenaco Sódico................................................. 50 mg;

Excipiente q.s.p. ...........................................1 supositório.

(Excipiente: massa para supositórios).

O que devo fazer quando eu me esquecer de usar este medicamento?

Caso ocorra o esquecimento da administração de uma dose de Voltaren deverá tomar a dose esquecida logo que se lembre. No entanto, as doses de Voltaren nunca devem ser administradas a dobrar ou em horários muito próximos, caso isto aconteça deverá saltar a dose esquecida e tomar apenas a dose do horário seguinte.

Interações Medicamentosas

Voltaren não deve ser administrado juntamente com alguns medicamentos sem orientação médica, como: lítio ou inibidores seletivos da recaptação da serotonina, digoxina, diuréticos, inibidores da ECA ou betabloqueadores, outros anti-inflamatórios, corticoides, anticoagulantes, antidiabéticos com exceção da insulina, metotrexato, ciclosporina, tacrolimo, trimetoprima, antibacterianos quinolônicos, voriconazol e fenitoína.

Laboratório

Novartis Biociências

- SAC: 0800 888 3003

Dizeres Legais:

MS: 1.0068.0060
Farm. Resp.: Flavia Regina Pegorer

O principio ativo do Voltaren é o​ Diclofenaco, que é o genérico deste anti-inflamatório.

publicidade