Piroxicam

publicidade

Bula do remédio genérico Piroxicam. Classe terapêutica dos Antiinflamatórios e Antireumáticos. Princípios Ativos Piroxicam.

Indicação

Para que serve Piroxicam?

O piroxicam é indicado para uma variedade de condições que requeiram atividade antiinflamatória e/ou analgésica, tais como: artrite reumatóide, osteoartrite (artrose, doença articular degenerativa), espondilite anquilosante, distúrbios músculo-esqueléticos agudos, gota aguda, dor pós-operatória e pós-traumática.

É também indicado para o tratamento da dismenorréia primária em pacientes maiores de 12 anos.

Via oral - Uso adulto

Contraindicações

Quando não devo usar este medicamento?

Piroxicam não deve ser administrado a pacientes sofrendo de úlcera péptica e àqueles portadores de asma, rinite, ou reações alérgicas da pele causadas por ácido acetilsalicílico ou outro medicamento antiinflamatório, ou ainda hipersensibilidade a qualquer dos componentes da fórmula.

Posologia

Como usar Piroxicam?

As cápsulas de piroxicam podem ser deglutidas diretamente com um pouco de líquido.

  • Artrite reumatóide, osteoartrite (artrose, doença articular degenerativa) e espondilite anquilosante:

A dose inicial recomendada é de 20 mg ao dia, em dose única.

A maioria dos pacientes será mantida com 20 mg ao dia.

  • Distúrbios músculo-esqueléticos agudos:

Deve-se iniciar com 40 mg ao dia nos primeiros dois dias em dose única ou fracionada.

Para os restantes 7 a 14 dias, a dose deve ser de 20 mg ao dia.

  • Gota aguda:

Iniciar com uma única dose de 40 mg ao dia, seguida nos próximos 4 a 6 dias por 40 mg/dia em dose única ou fracionada.

O piroxicam não é indicado para o tratamento prolongado da gota.

  • Dor pós-traumática e pós-operatória:

Iniciar com 20 mg/dia em dose única. Em casos onde se deseja um efeito mais rápido, pode-se iniciar com 40 mg/dia nos dois primeiros dias, em dose única ou fracionada.

Posteriormente a dose deve ser reduzida a 20 mg/dia.

  • Dismenorréia primária:

Iniciar logo no começo do surgimento dos sintomas com 40 mg em dose única diária, nos dois primeiros dias do período menstrual e, se necessário, 20 mg/dia em dose única diária nos 3º, 4º e 5º dias.

Efeitos Colaterais

Quais os males que pode me causar?

Piroxicam é em geral bem tolerado.

Sintomas gastrintestinais são os mais frequentemente encontrados, apesar de na maioria dos casos não interferirem com o curso da terapêutica.

Estas reações incluem: estomatite, anorexia, desconforto epigástrico, náuseas, constipação, desconforto abdominal, flatulência, diarréia, dor abdominal e indigestão.

Sangramento gastrintestinal, perfuração e úlcera têm sido observados com o uso de piroxicam.

Advertências e Precauções

O que devo saber antes de usar este medicamento?

O piroxicam deve ser administrado com cuidado a pacientes que sofrem de azia, sintomas gástricos, doenças renais, hepáticas ou cardíacas.

Não deve ser administrado em conjunto com ácido acetilsalicílico ou outros produtos antiinflamatórios.

O piroxicam não é indicado para crianças menores de 12 anos.

Informe o seu médico sobre qualquer medicamento que esteja usando, antes do início, ou durante o tratamento.

Piroxicam na gravidez e lactação: o uso de piroxicam durante a gravidez não é recomendado.

O uso de piroxicam não é recomendado durante a amamentação, uma vez que a segurança clínica ainda não foi estabelecida.

Informe seu médico a ocorrência de gravidez na vigência do tratamento ou após o seu término.

Informe ao médico se está amamentando.

Interações Medicamentosas

A presença de alimentos não prejudica a absorção do piroxicam.

Armazenamento

Onde como e por quanto tempo posso guardar este medicamento?

Conservar em temperatura ambiente (entre 15 e 30°C).

Proteger da umidade.

Validade: 24 meses após a data de fabricação impressa na embalagem do produto.

Número do lote - Data de fabricação - Vencimento: vide cartucho.

Superdosagem

O que fazer se alguém usar uma quantidade maior do que a indicada?

Em caso de superdose com piroxicam recomenda-se tratamento sintomático e de observação.

Estudos têm mostrado que a administração de carvão ativado pode resultar em uma menor absorção do piroxicam, reduzindo assim a quantidade total de droga ativa disponível.

Composição

Cada cápsula contém:

piroxicam .................................................................................................................. 20 mg

excipientes q.s.p. ..................................................................................................... 1 cápsula

(amido, estearato de magnésio, lactose monoidratada e laurilsulfato de sódio)

Apresentação:

  • Cápsulas gelatinosas duras de 20 mg - embalagens contendo 10 e 15 unidades

Laboratório

Medley S.A. Ind. Farm

SAC: 0800 7298000

Dizeres Legais

Farm. Resp.: Dra. Clarice Mitie Sano Yui - CRF-SP nº 5.115

MS - 1.0181.0449
SAC: 0800 130666

Venda sob prescrição médica

publicidade