Nucleo C.m.p.

Bula de Nucleo C.m.p.

Bula do remédio Nucleo C.m.p.. Classe terapêutica dos Analgésicos e Miorrelaxantes. Princípios Ativos Vitamina B12, C.m.p. (citidina Monofosforico). e Sal Trissodico de (u.t.p.) de Uridin-trifosforico. Venda sob prescrição médica.

publicidade

Indicação

Para quê serve Nucleo C.m.p.?

Afecções neuromusculares: Nevralgias, lumbago e ciática, nevralgia facial, nevralgia intercostal, nevralgia cervicobraquial e nevralgia pélvica. Neurites: herpes zóster, paralisia facial, polineurite infecciosa, polineurite tóxica, polineurite metabólica e neurite inespecífica. Mialgias: lumbago, torcicolo, fadiga muscular, miastenia, miopatias, miosites e distrofias musculares. Afecções do sistema nervoso: Depressão e esgotamento nervoso, hemicranias, fadiga intelectual, inapetência e apatia, astenias nervosas, vitalidade diminuída, alterações do humor. Recuperação funcional: Deficiências neurológicas, recuperação na poliomielite, recuperação do hemiplégico, seqüelas pós-encefalíticas, depressão involutiva e involução senil.

Contraindicações

Quando não devo usar este medicamento?

O produto não deve ser usado por pacientes com hipersensibilidade conhecida aos componentes da fórmula.

Posologia

Como usar Nucleo C.m.p.?

Adultos: 2 a 4 cápsulas por dia. Crianças: 2 cápsulas por dia.

Efeitos Colaterais

Quais os males que este medicamento pode me causar?

Não foram relatadas até o momento.

Advertências e Precauções

O que devo saber antes de usar este medicamento?

Não há contra-indicação formal ao emprego de NÚCLEO C.M.P. durante a gravidez, mas, sua utilização e o esquema posológico devem ser estabelecidos pelo médico.

Composição

Cada cápsula contém: Citidina-5-monofosfato dissódica (CMP) 2,5 mg; Uridina-5-trifosfato trissódica (UTP) 1,5 mg; Acetato de hidroxocobalamina 1 mg; Excipiente q.s.p. 1 cápsula.

Apresentação

Frasco com 20 cápsulas.

Venda

Venda sob prescrição médica.

Introdução

NÚCLEO C.M.P.

Citidina-5-monofosfato dissódica
Uridina-5-trifosfato trissódica
Acetato de hidroxocobalamina
Neurotrófico e antiálgico

Informações Técnicas

A citidina-5-monofosfato dissódica (CMP) é um nucleotídeo que intervém ativamente no metabolismo do sistema nervoso, tomando parte como coenzima, dos sistemas enzimáticos que intervêm na síntese dos fosfolipídios e glicolipídios. Tendo em conta que estas substâncias lipídicas, fundamentais para o funcionamento e atividade normal do sistema nervoso, estão submetidas a um constante processo de degradação e síntese, a citidina-5-monofosfato dissódica (CMP) torna-se um fator coenzimático absolutamente necessário para a manutenção e regeneração das estruturas nervosas, especialmente no que se refere à bainha de mielina. A uridina-5-trifosfato trissódica (UTP) intervém como coenzima na síntese dos glicolipídios, completando com isso a ação da citidina-5-monofosfato dissódica (CMP). Por outro lado, intervém na degradação da glicose e, como doador de energia, no processo de contração muscular, tornando-se assim uma substância com acentuadas propriedades tróficas sobre a musculatura e um fator para a maturação e regeneração do tecido nervoso. O acetato de hidroxocobalamina, a forma mais ativa e de efeito mais prolongado da vitamina B 12, é uma substância com participação metabólica geral, pois intervém como um fator essencial no metabolismo dos lipídios complexos, proteínas e glicídios. Possui ação neurotrófica e antiálgica em todas as manifestações neuríticas dolorosas.

Interação Medicamentosa

Até o momento não foram relatados casos de interação medicamentosa com o uso do produto.

Laboratório

Lab. Gross S.A.

publicidade