Nistatina

Bula do remédio genérico Nistatina. Classe terapêutica dos Antifúngicos. Princípios Ativos Nistatina.

Indicação

Para que serve?

Nistatina creme vaginal: é indicada para o tratamento da candidíase vaginal, em mulheres.

Nistatina suspensão oral: é indicada para infecções causadas por fungos na boca, no tratamento da candidíase oral e sapinho, em crianças e adultos.

Posologia

Como usar?

Nistatina creme vaginal

A dose recomendada de Nistatina creme vaginal é de 1 aplicador cheio, 1 vez por dia, durante 14 dias consecutivos, aplicado à noite, por via intravaginal.

Nistatina suspensão oral

  • Bebês prematuros e neonatos de baixo peso: a dose recomendada é geralmente de 1 ml, administrado 4 vezes por dia.
  • Bebês lactentes: a dose recomendada varia de 1 a 2 ml, administrados 4 vezes por dia.
  • Crianças e Adultos: a dose recomendada varia de 1 a 6 ml, administrados 4 vezes por dia.

A solução oral de Nistatina deve ser sempre bochechada e mantida na boca, durante algum tempo antes de ser engolida, e em latentes e crianças, deve ser colocada metade da dose em cada lado da boca.

O tempo de duração do tratamento com Nistatina deve ser indicado pelo seu médico.

Efeitos Colaterais

Quais os males que pode me causar?

Nistatina creme vaginal: alguns dos efeitos colaterais incluem irritação, sensibilidade, queimação e coceira.

Nistatina suspensão oral: alguns dos efeitos colaterais incluem problemas gastrintestinais, náusea, vômito, diarreia, urticária na pele ou síndrome de Stevens-Johnson.

publicidade

Contraindicações

Quando não devo usar?

Nistatina está contraindicado para pacientes com alergia à Nistatina ou a outros componentes da fórmula. Além disso, Nistatina suspensão oral é também contraindicada para pacientes com micoses sistêmicas ou com diabetes.

Farmacocinética

Como funciona?

Nistatina é um medicamento que atua contra fungos sensíveis à Nistatina, como é o caso da Candida albicans, que provoca monília ou sapinho.

O mecanismo de ação da Nistatina, envolve a sua ligação ás paredes das células dos fungos sensíveis, causando assim a sua destruição.

A Nistatina apenas apresenta atividade contra fungos, não apresentando atividade contra bactérias, protozoários ou vírus.

Advertências e Precauções

O que devo saber antes de usar?

Antes de usar Nistatina​, deverá falar com o seu médico se estiver grávida ou amamentando ou se estiver a tomar outros medicamentos. Além disso, antes de tomar Nistatina suspensão oral fale com o seu médico se tiver doença nos rins crônica.

Durante o tratamento com Nistatina creme vaginal, mantenha uma higiene pessoal rigorosa, lavando cuidadosamente as mãos antes de cada aplicação. Além das medidas higiênicas habituais, durante o tratamento com Nistatina​, deve manter algumas precauções para evitar reinfecção, como: após cada ato de urinar, enxugar a vulva sem esfregar o papel higiênico; após a defecação evitar o contacto do papel com a genitália; mude e lave diáriamente a sua roupa intíma, tolhas e lençóis com detergente.

Durante o tratamento com Nistatina suspensão oral, deve sempre manter uma higiene bucal adequada e cuidada antes de cada utilização do medicamento.

Nistatina creme vaginal é um remédio apenas para uso intravaginal, ao contrário de Nistatina suspensão oral que apenas é adequada para uso oral.

Enquanto persistir a infecção, existe a possibilidade de transmissão da candidíase a outras pessoas, e por isso, deve sempre tomar as precauções apropriadas para evitar a sua transmissão.

O tratamento com Nistatina não deve ser interrompido e os horários, as doses e duração do tratamento devem ser rigorosamente respeitados. Além disso, o tratamento com Nistatina creme vaginal não deve ser interrompido durante o período menstrual.

Superdosagem

O que fazer se alguém usar uma quantidade maior do que a indicada?

Em caso de toma excessiva de Nistatina​, deve dirigir-se ao hospital mais próximo, levando a embalagem ou bula do medicamento.

Alguns dos efeitos de superdosagem mais comuns que pode sentir após a toma excessiva de Nistatina suspensão oral, mais de 5.000.000 UI/dia, podem ser náusea e problemas gastrintestinais.

Composição

Nistatina creme vaginal

Cada 4 g de Nistadina, cerca de 1 aplicador cheio de creme vaginal, contém:

Nistatina ________________________________ 100.000 U.I.
Excipientes _____________________________________ 4 g

(Excipientes: cloreto de benzalcônio, metilparabeno, propilparabeno, cera emulsificante não iônica, borato de sódio, metabissulfito de sódio, edetato dissódico e água).

Nistatina suspensão oral

Cada 1 ml de Nistadina suspensão oral contém:

Nistatina ________________________________ 100.000 U.I.
Excipientes ____________________________________ 1 ml

( Excipientes: carmelose sódica, sacarose refinada, sacarina sódica, metilparabeno, propilparabeno, fosfato de sódio dibásico, glicerol, butilhidroxitolueno, edetato dissódico, aroma de cereja, aroma de hortelã pimenta, aldeído cinâmico, álcool etílico e água purificada).

O que devo fazer quando eu me esquecer de usar este medicamento?

Caso ocorra o esquecimento da aplicação de uma dose de Nistatina, deve saltar a dose esquecida, e esperar pelo horário da dose do dia seguinte. As doses de Nistatina nunca devem ser administradas a dobrar ou em horários muito próximos. Caso tenha algumas dúvidas contacte o seu médico médico.

Laboratório

Neo Química

Laboratório Neo Química Com. e Ind. Ltda.: - SAC: 0800 97 99 900

Outro medicamento indicado para tratar a candidíase vaginal, além de Nistatina, pode ser o Fluconazol.

Dizeres Legais:

Nistatina creme vaginal: M.S.: 1.5584.0098 | ​Farm. Resp.: Dr. Marco Aurélio Limirio G. Filho.

Nistatina suspensão oral: M.S.: 1.2568.0026 | ​Farm. Resp.: Dr. Luiz Donaduzzi.

publicidade
< Nistagen < Nistatina > Nisuflan >