Iruxol Mono

publicidade

Bula do remédio Iruxol Mono. Princípios Ativos Colagenase.

Indicação

Para que serve Iruxol Mono?

IRUXOL MONO (colagenase) é indicado para a limpeza de lesões de pele: feridas, escaras e fissuras.

Contraindicações

Quando não devo usar este medicamento?

IRUXOL MONO (colagenase) é contra-indicado em casos de hipersensibilidade à colagenase ou a qualquer componente da fórmula do produto.

Também é contra-indicado em pacientes com queimaduras extensas.

Posologia

Como usar Iruxol Mono?

IRUXOL MONO (colagenase) deve ter um contato pleno com toda a área lesada; a pomada deve ser aplicada uniformemente, com espessura de cerca de 2 mm, uma vez ao dia.

Não há uma dose fixa do produto, uma vez que a dose a ser utilizada depende do tamanho da lesão.

Em alguns casos, para o aumento da atividade enzimática, a aplicação da pomada duas vezes ao dia pode ser necessária.

A aplicação de uma grande quantidade do produto não é necessária e não irá melhorar o processo de limpeza da ferida.

O tratamento de úlceras varicosas pode ser facilitado pelo uso de uma bandagem comprimindo o local e, em casos de distúrbios de circulação sangüínea, úlceras diabéticas ou de causa neurológica, pelo tratamento adequado com medicamentos.

Para garantir sucesso no tratamento enzimático da ferida com IRUXOL MONO (colagenase), o local deve estar úmido suficiente durante o tratamento. Material necrótico seco ou duro deve ser amolecido primeiramente por meio de compressas úmidas com soro fisiológico ou outra solução tolerada pelo tecido (por exemplo, glicose).

Evitar detergentes, sabão ou solução anti-séptica (álcool iodado, mercúrio cromo, etc.), já que estes produtos inativam a ação da colagenase.

O curativo de IRUXOL MONO (colagenase) pomada deve ser trocado diariamente. Antes de aplicar IRUXOL MONO (colagenase), todo material necrótico desprendido deve ser removido com uma gaze embebida em soro fisiológico. Isto se faz, também, através de pinça, espátula ou por lavagem, tendo o cuidado de não utilizar detergente ou sabões.

Sempre que houver infecção o tratamento com antibióticos deve ser considerado. Cloranfenicol, neomicina, framicetina, bacitracina, gentamicina, polimixina B e macrolídeos (por exemplo, eritromicina) mostraram-se compatíveis com colagenase.

O tratamento com IRUXOL MONO (colagenase) deve ser finalizado quando a retirada do material necrosado for completada e o local da ferida estiver limpo, com processo de cicatrização estabelecido.

Se não houver melhora em até 14 dias, o tratamento com IRUXOL
MONO (colagenase) deve ser descontinuado.

Siga corretamente o modo de usar. Não desaparecendo os sintomas, procure orientação médica ou de seu cirurgião-dentista.

Não use medicamento com o prazo de validade vencido.

Antes de usar observe o aspecto do medicamento.

Efeitos Colaterais

Quais os males que pode me causar?

Podem ocorrer: ardência, dor, prurido e eritema.

Informe ao médico ou cirurgião-dentista o aparecimento de reações indesejáveis.

Advertências e Precauções

O que devo saber antes de usar este medicamento?

Deverá ser evitado contato com os olhos e mucosas.

A pomada deve ser aplicada cuidadosamente sobre a lesão, evitando-se o contato com a pele íntegra.

Em pacientes diabéticos, gangrenas secas devem ser umedecidas com cuidado a fim de evitar conversão para gangrena úmida.

Deve-se observar rigorosa higiene local antes da utilização do produto de modo a evitar re-infecção.

Se não houver melhora em até 14 dias, o tratamento com colagenase deve ser descontinuado.

Uso em idosos: não existem, até o momento, restrições ou recomendações especiais para o uso em pacientes idosos.

Uso em pacientes diabéticos: não há restrições para o uso em pacientes diabéticos. Advertência: gangrenas secas devem ser umedecidas com cuidado a fim de evitar conversão para gangrena úmida.

Gravidez: como não foram realizados estudos em mulheres grávidas, apesar de não haver evidências de efeito sobre o feto, a colagenase só deve ser administrada nos primeiros três meses de gravidez quando estritamente indicada pelo médico.

Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas sem orientação médica ou do cirurgião-dentista.

Lactação: a excreção no leite materno é improvável.

Superdosagem

O que fazer se alguém usar uma quantidade maior do que a indicada?

Não há evidências de absorção sistêmica da colagenase após aplicação na pele intacta ou em lesões, isso significa que IRUXOL MONO (colagenase) de uso tópico não passa para a corrente sanguínea.

Além disso, não há uma dose fixa do medicamento, visto que a dose a ser utilizada depende do tamanho da lesão.

Portanto, não existe probabilidade de superdosagem com o uso tópico de IRUXOL MONO (colagenase).

A ingestão acidental do medicamento é improvável.

Em caso de ingestão acidental de IRUXOL MONO (colagenase) pomada, deverá ser provocado o vômito e, se necessário, lavagem gástrica. Devese prontamente procurar atendimento médico.

Composição

Cada g de pomada contém: colagenase 1,2 U
Excipientes: parafina líquida e vaselina.

Armazenamento

Onde como e por quanto tempo posso guardar este medicamento?

IRUXOL MONO (colagenase) deve ser guardado dentro da embalagem original. Conservar em temperatura ambiente (temperatura entre 15ºC e 30ºC).

Durante a fabricação do produto é possível a entrada de ar na bisnaga, porém, isto não afeta o peso final nem a qualidade do produto.

TODO MEDICAMENTO DEVE SER MANTIDO FORA DO ALCANCE DAS CRIANÇAS.

Apresentação

IRUXOL MONO (colagenase) - Pomada dermatológica 1,2 U/g: embalagem com 1 bisnaga de 15 g ou 30 g.

IRUXOL MONO (colagenase) Pomada dermatológica: embalagem hospitalar contendo 50 bisnagas com 30g.

IRUXOL MONO (colagenase) é uma pomada de coloração amarronzada clara, gordurosa e com odor característico fraco. Por se tratar de um produto de origem biológica, a cor pode variar de amarronzada clara a amarronzada escura sem prejudicar a qualidade e eficácia do produto.

USO ADULTO E PEDIÁTRICO - Uso Tópico

Interações Medicamentosas

IRUXOL MONO (colagenase) não deve ser utilizado na presença de anti-sépticos, metais pesados, detergentes e sabões, pois a atividade da colagenase será inibida.

Tirotricina, gramicidina e tetraciclinas não devem ser utilizadas localmente com a colagenase.

Informe ao médico ou cirurgião-dentista se você está fazendo uso de algum outro medicamento.

Informações Legais

MS: 1.0553.0308
Farm. Resp.: Fabio Bussinger da Silva CRF-RJ nº 9277
Nº do lote, data de fabricação e validade: vide bisnaga e cartucho. Abbott Center
Central de Relacionamento com o Cliente
0800 703 1050
www.abbottbrasil.com.br

Laboratório

´Fabricado por: Abbott Laboratórios do Brasil Ltda.

Rio de Janeiro - RJ
INDÚSTRIA BRASILEIRA
Registrado por: Abbott Laboratórios do Brasil Ltda.

Rua Michigan, 735 São Paulo - SP
CNPJ 56.998.701/0001-16
Fabricado e comercializado sob licença de Smith & Nephew
Marca registrada de Abbott GmbH & Co. KG - Ludwigshafen/Reno - Alemanha

publicidade