Imescard

Bula do remédio Imescard. Classe terapêutica dos Anticonstipantes e Anti-hemorroidários. Princípios Ativos Beladona, Benzocaína, Aloína, Adrenalina, Erva-de-bicho, Hamamélis, Davilla rugosa e Ipeca.

Indicação

Para que serve?

Imescard pomada é indicado no tratamento de hemorroidas internas ou externas e suas manifestações inflamatórias.

Uso Adulto - Uso Retal

Imescard pílulas é indicado no tratamento da prisão de ventre e das hemorroidas.

Uso Adulto - Uso Oral

Farmacocinética

Como funciona?

Imescard pomada

Imescard pomada tem na sua composição 7 compostos, Erva-de-bicho, Hamamélis, Davilla rugosa, Benzocaína, Epinefrina, Fenol e Mentol, responsáveis pelas suas propriedades.

A Erva-de-bicho possui propriedades que aumentam o volume da hemorroida, e possui ação antibiótica, anti-inflamatória e anti-hiperalgésica. A Hamamélis possui propriedades dessecantes e adstringentes, atuam como adstringente, anti-inflamatório e hemostático local. A Davilla rugosa ​possui propriedades anti-inflamatórias, anti úlcerativas, purgativas, estimulantes e tônicas.A Benzocaína atua bloqueando a iniciação e a condução dos impulsos nervosos. A Epinefrina atua produzindo vasoconstrição o que aumenta a duração da ação anestésica e diminui o risco de toxicidade por parte da Benzocaína. O Fenol inibe o crescimento de micro-organismos presentes, agindo sobre bactérias e alguns fungos. Por fim, o Mentol é responsável por causar um aumento da espessura dos vasos e uma sensação de frio seguida de perda de sensibilidade à dor.

Imescard pílulas

Imescard pílilas tem na sua composição 4 compostos, Erva-de-bicho, Aloína, Beladona e Cephaelis ipecacuanha, responsáveis pelas suas propriedades.

A Erva-de-bicho possui ação sobre o ingurgitamento hemorroidal, enquanto que a Beladona é frequentemente usada nos espasmos intestinais ou cólicas. A Aloína que possui propriedades estimulantes dos movimentos do intestino, favorecendo a função intestinal, tendo uma ação anticonstipante, contra prisão de ventre. A Ipeca ou Cephaelis ipecacuanha favorece a secreção dos sucos digestivos e os movimentos peristálticos no tubo gastrintestinal.

Posologia

Como usar?

Imescard pomada

Para o tratamento de hemorroidas externas, Imescard pomada deve ser aplicado no ânus ou no reto, de manhã, depois após as evacuações e à noite ao deitar. No tratamento de hemorroidas internas, Imescard pomada deve ser aplicado usando o aplicador especial que acompanha o medicamento, seguindo a mesma posologia das hemorroidas externas. Após cada utilização, deve retirar o aplicador, colocar a tampa na bisnaga e lavar o aplicador com água potável e sabão neutro.

Imescard pílulas

Para o tratamento da prisão de ventre, a dose recomendada de Imescard pílulas é de 1 comprimido de 8 em 8 horas, e após a regularização da função intestinal, é recomendada a administração de uma dose de manutenção, sendo aconselhada a administração de 1 comprimido à noite. No tratamento de hemorroidas a dose recomendada é de 3 comprimidos por dia. Para efeito purgativo, a dose recomendada de Imescard pílulas é de 2 comprimidos, uma vez à noite. Os comprimidos devem ser engolidos inteiros, sem partir ou mastigar, com um copo de água.

publicidade

Contraindicações

Quando não devo usar?

Imescard pomada: a administração de Imescard pomada é contraindicada em pacientes com alergia a algum dos componentes da fórmula, em crianças e a mulheres grávidas e amamentando sem orientação médica.

Imescard pílulas: a administração de Imescard pílulas é contraindicada em crianças, mulheres grávidas ou amamentando, mulheres com sangramento do útero fora do ciclo menstrual ou menstruações abundantes, em pacientes com alergia a algum dos componentes da fórmula, pacientes com glaucoma de ângulo fechado, hipertrofia prostática, íleo paralítico, estenose pilórica, arritmias taquicárdicas, tumor benigno da próstata, inchaço do pulmão e em pacientes com estreitamento do trato gastrintestinal e intestino.

Efeitos Colaterais

Quais os males que pode me causar?

Imescard pomada: alguns dos efeitos colaterais que o Fenol, o Mentol e a benzocaína, presentes na fórmula de Imescard pomada, podem causar, incluem reações alérgicas que podem ou não ser graves e coceira. Imescard pomada também pode causar náusea, vômito, sudorese e irritabilidade.

Imescard pílulas: alguns dos efeitos colaterais que Imescard pílulas podem causar incluem secura na boca, sede, dilatação da pupila, paralisia da musculatura dos olhos, sensibilidade à luz, aumento da pressão intraocular, vermelhidão e secura da pele, diminuição da frequência cardíaca seguida de um aumento da frequência
cardíaca com palpitação e arritmias, dificuldade para urinar, redução da motilidade gastrintestinal, vômitos, tonturas, irritação renal, cáries, doenças periodontais ou candidíase oral.

Advertências e Precauções

O que devo saber antes de usar?

Imescard pomada: antes de usar Imescard pomada​ deverá falar com o seu médico se for alérgico a sulfitos pois pode ser intolerante a medicamentos com Epinefrina, se tiver infecção local ou hemorragia, se tiver suspeitas de gravidez, tiver mais de 40 anos ou se tiver epilepsia ou distúrbios cardíacos.

Imescard pomada pode interferir com o resultado da função pancreática se houver absorção da Benzocaína.

Imescard pílulas: antes de iniciar o tratamento com Imescard pílulas, deverá falar com o seu médico caso se sinta febril, se tiver taquicardia, atividade excessiva da glândula da tireoide, insuficiência renal ou cardíaca.

Superdosagem

O que fazer se alguém usar uma quantidade maior do que a indicada?

Imescard pomada

A aplicação excessiva de Imescard pomada pode causar eritrema ou vermelhidão, inchaço, sensação de queimação, dor, sudorese, náusea ou vômito. Nestes casos é recomendada a lavagem do local com água e sabão. Caso ocorra a ingestão acidental de Imescard pomada deve dirigir-se ao hospital mais próximo.

Imescard pílulas

Em caso de toma excessiva de Imescard pílulas deve dirigir-se ao hospital mais próximo, o mais rápido possível, levando a embalagem ou bula do medicamento. Alguns dos efeitos mais comuns que pode sentir após a toma excessiva de Imescard pílulas são visão borrosa contínua ou mudança na visão de perto, torpeza ou desequilíbrio, confusão, tontura contínua, sonolência severa, secura severa da boca, nariz ou garganta, batimentos cardíacos rápidos, febre, alucinações, crises convulsivas, sensação de falta de ar ou dificuldade de respirar, fala arrastada, excitação, nervosismo, inquietude ou irritabilidade não habitual, calor, ressecamento e vermelhidão da pele.

O que devo fazer quando eu me esquecer de tomar este medicamento?

Caso se esqueça de aplicar ou tomar uma dose de Imescard, deve saltar a dose esquecida e continuar a posologia indicada. As doses de Imescard pomada ou Imescard pílulas nunca devem ser administradas a dobrar.

Composição

Imescard pomada

Cada 1 grama de Imescard pomada contém:

Extrato de Polygonum hydropiper - Erva-de-bicho____ 75 mg
Extrato mole de Hamamelis virginiana - Hamamélis __ 50 mg
Extrato mole de Davilla rugosa - Sambaíba _________ 50 mg
Benzocaína _________________________________ 1,25 mg
Epinefrina - Adrenalina _____________________ 0,00625 mg
Fenol ________________________________________ 5 mg
Mentol _____________________________________ 0,75 mg
Glicério de amilo - Glicerina e Amido q.s.p __________ 1,0 g

Imescard pilulas

Cada drágea de Imescard pilulas contém:

Aloína _______________________________________ 10 mg
Atropa belladonna L. - Beladona __________________ 10 mg
Extrato de Polygonum hydropiper - Erva-de-bicho____ 30 mg
Cephaelis ipecacuanha - Ipeca ___________________ 10 mg
Excipiente q.s.p _____________________________ 1 drágea

(Excipientes: álcool etílico, amido, lactose, povidona - polivinilpirrolidona K30, talco, breu K vivo, caulim, cera de abelha, cera de carnaúba, corante eritrosina, goma arábica pó, goma laca laranja, óleo de rícino, sacarose e metilparabeno).

Interações Medicamentosas

Imescard pomada

Imescard pomada não deve ser aplicado juntamente com algumas substâncias sem orientação médica, como Bentiromida ou medicamentos bloqueadores alfa adrenérgicos ou vasodilatadores.

Imescard pílulas

Imescard pílulas não deve ser administrado juntamente com alguns medicamentos sem antes falar com o seu médico, como algumas substâncias sem orientação médica, como Amantadina, Quinidina, Disopiramida, certos Antihistamínicos, Antidepressivos tricíclicos, Butirofenonas, Fenotiazinas e outros Anticolinérgicos como Tiotróprio ou Ipratrópio.

Laboratório

Osório de Moraes Ltda

SAC: 0800 031 0844

Outros medicamentos para tratar hemorroidas podem ser Proctyl, Xilodase, Ultraproct ou Anusol Hc.

Dizeres Legais

Imescard pomada: MS: 1.0504.0011 | Farm. Resp.: Maria Angelina Nardy Mattos

Imescard pilulas: MS: 1.0504.0010 | Farm. Resp.: Maria Angelina Nardy Mattos

publicidade
< Ilsatec < Imescard > Imigran >