Flutinol

publicidade

Bula do remédio Flutinol. Classe terapêutica dos Antialérgicos e Antiinflamatorio Topico. Princípios Ativos Acetato de Fluormetolona.

Indicação

Para que serve Flutinol?

Para o tratamento de condições alérgicas e inflamatórias da conjuntiva palpebral e bulbar, córnea e segmento anterior do olho que respondem aos esteróides.

Contraindicações

Quando não devo usar este medicamento?

Ceratite superficial aguda por herpes simples, vacínia, varicela e muitas outras doenças virais da córnea e conjuntiva. Doenças micóticas. Tuberculose ocular. Infecções purulentas agudas não tratadas, que, como outras doenças causadas por microorganismos, podem ser mascaradas ou exacerbadas pela presença do esteróide.

Nas pessoas que apresentem hipersensibilidade aos componentes da fórmula.

Posologia

Como usar Flutinol?

AGITE BEM ANTES DE USAR.

Instilar 1 ou 2 gotas no saco conjuntival do olho afetado 4 vezes por dia. Durante as primeiras 24 a 48 horas a dosagem pode ser aumentada para 2 gotas a cada 2 horas. Se não ocorrer melhora após duas semanas, consultar o médico.

Deve-se tomar cuidado para não interromper o tratamento prematuramente.

Efeitos Colaterais

Quais os males que pode me causar?

Glaucoma com lesão no nervo óptico, defeitos na acuidade visual e nos campos visuais, formação de catarata, infecção ocular secundária após supressão da resposta do hospedeiro e perfuração do globo ocular.

Advertências e Precauções

O que devo saber antes de usar este medicamento?

Como existe uma certa predisposição para o desenvolvimento de infecções corneanas micóticas concomitante ao tratamento prolongado com esteróide tópico, deve-se considerar a invasão fúngica em qualquer tipo de ulceração corneana persistente, onde se usou ou se esteja usando um esteróide.

Advertências
EXCLUSIVAMENTE PARA USO TÓPICO. O PRODUTO NÃO DEVE SER INJETADO.

O emprego desta medicação esteróide no tratamento de infecções por herpes simples exige grande cautela.

O uso prolongado pode resultar em glaucoma, lesão no nervo óptico, defeitos na acuidade visual e nos campos visuais, formação de catarata, e/ou pode ajudar na instalação de infecções oculares secundárias por patógenos, devidas à supressão da resposta do hospedeiro. Infecções purulentas agudas do olho podem ser mascaradas ou exacerbadas pela presença da medicação esteróide.

Nas doenças que causam o adelgaçamento da córnea ou esclera, são conhecidos casos de perfuração com uso crônico de esteróides tópicos. É aconselhável controlar a pressão intra-ocular com freqüência.

Uso na gravidez e lactação
Não foi estabelecida a segurança do uso de esteróides tópicos durante a gravidez. Flutinol (acetato de fluormetolona) suspensão oftálmica deve ser prescrito a mulheres grávidas somente se o seu uso for indispensável. Não se sabe se o acetato de fluormetolona é excretado no leite materno. Deve-se ter cautela ao se administrar Flutinol (acetato de fluormetolona) suspensão oftálmica à mãe lactante.

Uso em crianças
A segurança e eficácia de Flutinol (acetato de fluormetolona) suspensão oftálmica em crianças não foram estabelecidas.

Apresentação

Colírio - Embalagem com 1 frasco plástico conta-gotas contendo 5 ml de suspensão estéril.

Interações Medicamentosas

O uso concomitante de medicamentos antiglaucoma pode aumentar a pressão intra-ocular e diminuir a eficácia destes; com anticolinérgicos, especialmente atropina e derivados, aumenta o risco de pressão intra-ocular; com lentes de contato pode aumentar o risco de infecções oportunistas.

Uso Geriátrico

Flutinol (acetato de fluormetolona) suspensão oftálmica pode ser usado por pessoas acima de 65 anos de idade, desde que observadas as precauções comuns ao produto.

Laboratório

Latinofarma Indústrias Farmacêuticas Ltda.

publicidade