Égide

Bula de Égide

Bula do remédio Égide. Classe terapêutica dos Anticonvulsivantes. Princípios Ativos topiramato.

publicidade

Indicação

Para quê serve Égide?

Égide comprimido é indicado para tratamento da epilepsia e na profilaxia da enxaqueca.

Uso adulto e pediátrico acima de 12 anos - Uso oral

Contraindicações

Quando não devo usar este medicamento?

Égide é contraindicado em pacientes com hipersensibilidade ao topiramato ou a qualquer componente da fórmula.

Não deve ser administrado durante a gravidez.

Posologia

Como usar Égide?

No geral, Égide deve ser tomado duas vezes ao dia, entretanto, seu médico poderá recomendar que você o tome uma vez ao dia, ou em doses maiores ou menores.

Há três tipos de comprimidos de Égide, com três concentrações diferentes (25 mg; 50 mg e 100 mg).

Seu médico iniciará o tratamento com uma dose baixa e irá aumentá-la gradativamente até alcançar a dose adequada ao controle de suas crises epilépticas.

Tome os comprimidos inteiros, sem triturá-los, parti-los ou mastigá-los.

Você pode tomar Égide junto com as refeições, se preferir.

Tome bastante líquidos durante o tratamento com Égide, para que seus rins trabalhem bem evitando assim o aparecimento de pedras renais.

Em crianças, o tratamento é iniciado com uma dose baixa que é gradativamente aumentada até que seja atingida a dose ótima para controle das crises epilépticas.

Efeitos Colaterais

Quais os males que este medicamento pode me causar?

As reações mais frequentes que podem ocorrer são: problemas de coordenação; alterações do pensamento, incluindo dificuldade de concentração, lentidão de pensamento e confusão; tontura; cansaço; formigamento; sonolência.

Menos frequentes: esquecimento; agitação; diminuição do apetite; distúrbios da fala; depressão; distúrbios da visão; alterações do humor; náusea; alterações do paladar; perda de peso; formação de pedra nos rins cujos sinais são presença de sangue na urina, dor na parte inferior das costas ou dor na área genital.

Advertências e Precauções

O que devo saber antes de usar este medicamento?

Você não deve utilizar Égide se tiver alergia ao topiramato ou a qualquer componente da formulação.

Informe o seu médico sobre qualquer medicamento que esteja usando antes do início ou durante o tratamento.

Você não deve utilizar Égide se tiver alergia ao topiramato ou a qualquer componente da formulação.

Égide na gravidez: não é recomendável o uso do topiramato durante a gravidez e lactação, se você engravidar durante o tratamento com topiramato, avise seu médico.

Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas ou que possam ficar grávidas durante o tratamento.

Informe seu médico a ocorrência de gravidez na vigência do tratamento ou após o seu término.

Informar ao médico se está amamentando.

Interações Medicamentosas

Avise seu médico a respeito de outros medicamentos que você esteja utilizando, inclusive os que você comprou sem receita médica (venda livre); vitaminas e quaisquer outros medicamentos ou suplementos dietéticos que esteja utilizando.

Avise seu médico a respeito de outros medicamentos que você esteja utilizando, inclusive os que você comprou sem receita médica (venda livre); vitaminas e quaisquer outros medicamentos ou suplementos dietéticos que esteja utilizando.

É muito importante que seu médico saiba se você utiliza.

Superdosagem

O que fazer se alguém usar uma quantidade maior do que a indicada deste medicamento?

Foi relatada superdosagem com topiramato, os sinais e sintomas incluem convulsão, sonolência, distúrbio da fala, visão borrada, diplopia, atividade mental prejudicada, letargia, coordenação anormal, estupor, hipotensão, dor abdominal, agitação, vertigem, depressão.

As consequências clínicas não foram graves na maioria dos casos, mas foram relatados óbitos após superdosagem com topiramato.

A superdosagem pode resultar em acidose metabólica grave.

Um paciente que ingeriu uma dose calculada em 96-110 g de topiramato foi hospitalizado em coma com duração de 20-24 horas seguido de recuperação total após três a quatro dias.

Tratamento: são indicadas medidas gerais de suporte e tentativa para remoção do fármaco não digerido do trato gastrintestinal através de lavagem gástrica ou utilização de carvão ativado.

A hemodiálise é um método eficaz para a retirada do topiramato do organismo, o paciente deve ser bem hidratado.

Composição

Égide 25 mg

Cada comprimido revestido contém:
topiramato ........................................................................................................................................25 mg
excipientes q.s.p. ..........................................................................1 comprimido revestido
(lactose monoidratada, celulose microcristalina, amido, amidoglicolato de sódio, estearato de magnésio, hipromelose e macrogol).

Égide 50 mg

Cada comprimido revestido contém:
topiramato ........................................................................................................................................50 mg
excipientes q.s.p. .................................................................1 comprimido revestido
(lactose monoidratada, celulose microcristalina, amido, amidoglicolato de sódio, estearato de magnésio, hipromelose e macrogol).

Égide 100 mg

Cada comprimido revestido contém:
topiramato ........................................................................................................................................100 mg
excipientes q.s.p. .........................................................................1 comprimido revestido
(lactose monoidratada, celulose microcristalina, amido, amidoglicolato de sódio, estearato de magnésio, hipromelose e macrogol).

Apresentação: comprimidos revestidos com 25 mg; 50 mg e 100 mg de topiramato - embalagem com 30 ou 60 comprimidos.

Armazenamento

Onde como e por quanto tempo posso guardar este medicamento?

Conservar o medicamento em sua embalagem original em temperatura ambiente (entre 15°C e 30°C), protegido da luz e umidade.

Desde que respeitados os cuidados de armazenamento, o medicamento apresenta validade de 24 meses a contar da data de sua fabricação impressa em sua embalagem externa (cartucho).

Farmacocinética

Como funciona este medicamento?

Em comparação a outros fármacos, o topiramato apresenta uma meia-vida plasmática longa, farmacocinética linear, depuração plasmática predominantemente renal, ausência de ligação significante a proteínas plasmáticas e de metabólitos ativos significantes.

O topiramato não é um indutor potente de enzimas relacionadas à biotransformação de fármacos, pode ser administrado com ou sem alimentos e não requer monitoração de níveis plasmáticos.

Laboratório

Libbs farmacêutica Ltda.

Sac: 08000-135044

Dizeres Legais

MS nº 1.0033.0158.

Farmacêutica responsável: Cintia Delphino de Andrade – CRF-SP nº 25.125

publicidade