Diprogenta

Bula do remédio Diprogenta. Classe terapêutica dos Antibióticos e Corticosteróides. Princípios Ativos Sulfato de Gentamicina e Dipropionato de Betametasona.

Indicação

Para que serve?

Diprogenta Creme ou Pomada é indicado para inflamações causadas por dermatoses, no tratamento da psoríase, dermatite de contato, dermatite atópica, neurodermatite, líquen plano, eczema, intertrigo, disidrose, dermatite seborreica, dermatite esfoliativa, dermatite solar, dermatite de estase e pruridos anogenital e senil, em adultos e crianças.

Farmacocinética

Como funciona?

Diprogenta é um medicamento que tem na sua composição Sulfato de Gentamicina e Dipropionato de Betametasona, compostos com ação anti-inflamatória, antipruriginosa e vasoconstritora. A Gentamicina, é um antibiótico de amplo espectro bactericida, efetivo contra um largo espectro de patógenos cutâneos sensíveis. Assim, a Diprogenta é um medicamento eficaz contra uma vasta gama de ​microorganismos.

Posologia

Como usar?

Aplicar uma fina camada de Diprogenta Creme ou Diprogenta Pomada sobre a área afetada, duas vezes por dia, de preferência de manhã e à noite. De acordo com indicação médica, estas quantidades podem ser reduzidas de modo a que se faça apenas um tratamento de manutenção.

publicidade

Efeitos Colaterais

Quais os males que pode me causar?

Alguns dos efeitos colaterais de Diprogenta podem incluir ardência, vermelhidão, coceira, irritação e ressecamento da pele, inflamação dos locais com pelo, crescimento excessivo de pelo, acne, diminuição da pigmentação da pele, dermatite perioral e de contato, supressão supra-renal e crescimento de fungos ou bactérias resistentes.

Contraindicações

Quando não devo usar?

Diprogenta está contraindicado para aplicação em locais sensíveis como boca e olhos e para pacientes com alergia ao Sulfato de Gentamicina, ao Dipropionato de Betametasona ou outros componentes da fórmula.

Advertências e Precauções

O que devo saber antes de usar?

Antes de usar Diprogenta​, deverá falar com o seu médico se estiver grávida ou amamentando ou se estiver a tomar outros medicamentos, incluindo medicamentos sem receita médica.

O tratamento com Diprogenta​ nunca deve ser interrompido sem conhecimento do seu médico e os horários, as doses e duração do tratamento devem ser rigorosamente respeitados.

Superdosagem

O que fazer se alguém usar uma quantidade maior do que a indicada?

Em caso de toma excessiva de Diprogenta​, deve dirigir-se ao hospital mais próximo, levando a embalagem ou bula do medicamento. Além disso, o uso prolongado e excessivo de Diprogenta pode levar à insuficiência supra-renal secundária e conduzir ao aparecimento de manifestações de hipercorticismo.

Composição

Diprogenta Creme por cada 1 g de creme contém:

Dipropionato de Betametasona _________________ 0,64 mg

Sulfato de Gentamicina __________________________ 1 mg

Excipientes _________________________________ 1 grama

(Excipientes: clorocresol, fosfato de sódio monobásico, ácido fosfórico, petrolato branco, petrolato líquido, éter cetílico polioxietileno, álcool cetoestearílico e água).

Diprogenta Pomada por cada 1 g de Pomada contém:

Dipropionato de Betametasona _________________ 0,64 mg

Sulfato de Gentamicina __________________________ 1 mg

Excipientes _________________________________ 1 grama

(Excipientes: petrolato líquido e petrolato branco).

Diprogenta é antibiótico?

Sim, Diprogenta é antibiótico tópico, pois tem na sua composição Gentamicina, um antibiótico eficaz contra uma vasta gama de microorganismos sensíveis.

Diprogenta precisa de receita médica?

Sim, Diprogenta apenas pode ser comprado com receita médica, pois apenas deve ser usado segundo acompanhamento médico.

Laboratório

MANTECORP INDÚSTRIA QUÍMICA E FARMACÊUTICA LTDA

SAC: 0800 011 7788

O genérico de Diprogenta é a Gentamicina, porém outros remédios com Sulfato de Gentamicina podem ser Quadrineo ou Mefoxin.

Dizeres Legais:

MS 1.0093.0031

Farm. Resp.: Lucia Lago Hammes

publicidade
< Diprivan < Diprogenta > Dipronil >