Cardalin

publicidade

Bula do remédio Cardalin. Classe terapêutica dos Antihipertensivos, Bloqueadores de Cálcio e Vasodilatadores. Princípios Ativos Nifedipina.

Indicação

Para que serve Cardalin?

Tratamento e profilaxia da insuficiência coronária aguda e crônica, especialmente da angina do peito e do pós-infarto do miocárdio. Tratamento da hipertensão arterial e, em particular, das. crises hipertensivas por sua apresentação em micro-comprimidos, para uso oral ou sublingual.

Contraindicações

Quando não devo usar este medicamento?

Hipersensibilidade à nifedipina. Uso na gravidez CARDALIN só pode ser empregado na gravidez quando o beneficio a ser obtido justificar o risco potencial ao feto.

Posologia

Como usar Cardalin?

CARDALIN é fornecido em micro-comprimidos de 10 mg. A posologia oral inicial é de 10 mg, três vezes ao dia; esta dose deve então ser titulada em um período de 9 a 14 dias para controlar os sintomas da angina. A dose eficaz habitual é de 10 a 20 mg, três vezes ao dia, mas 20 a 30 mg, três ou quatro vezes ao dia, podem ser necessárias. CARDALIN na forma retard é apresentado em comprimidos revestidos de 20 mg de liberação lenta e a dose inicial é de 1 comprimido de 12 em 12 horas, e em casos especiais 2 comprimidos de 8 em 8 horas.

Composição

CARDALIN: Cada micro-comprimido contém: Nifedipina 10 mg, CARDALIN RETARD: Cada comprimido revestido de liberação gradativa contém: Nifedipina 20 mg,

Apresentação

Caixas com 30 micro-comprimidos e na forma retard 30 comprimidos revestidos.

Interações Medicamentosas

O efeito de CARDALIN é potencializado com uso concomitante de outros anti-hipertensivos, especial cuidado com o uso de betabloqueadores que pode causar hipotensão grave, insuficiência cardíaca e angina,

Laboratório

Sintofarma S.A.

publicidade