Adoless

publicidade

Bula do remédio Adoless. Classe terapêutica dos Anticoncepcional Oral e Contraceptivo Oral. Princípios Ativos Etinilestradiol e Gestodeno.

Indicação

Para que serve Adoless?

Prevenção da gravidez.

Contraindicações

Quando não devo usar este medicamento?

Pacientes com história prévia ou atual de processos tromboembólicos arterial ou venoso e condições que os predispõem, como anormalidades no sistema de coagulação, doença cardiovascular e fibrilação arterial; distúrbios crônicos ou agudos da função hepática, incluindo síndrome de Dubin-Johnson, síndrome de Rotor; história prévia ou atual de tumores hepáticos, antecedentes de icterícia idiopática; história prévia ou atual de neoplasia estrógeno-dependente confirmada ou suspeita (carcinoma mamário ou endometrial); distúrbios do metabolismo lipídico; anemia falciforme; diabetes severa com alterações vasculares; antecedentes de herpes gestacional; otosclerose agravada durante a gravidez; sangramento genital anormal de causa desconhecida.
Gravidez diagnosticada ou suspeita; hipersensibilidade a qualquer componente da fórmula.

Posologia

Como usar Adoless?

Os comprimidos devem ser ingeridos seguindo a ordem contida na embalagem, todos os dias e sempre na mesma hora, durante 28 dias consecutivos. A hemorragia geralmente ocorre no 2º ou 3º dia após a ingestão do último comprimido ativo e pode continuar até o primeiro comprimido da cartela posterior.

Efeitos Colaterais

Quais os males que pode me causar?

Acidentes tromboembólicos arteriais, acidentes tromboembólicos venosos, hipertensão arterial, coronariopatias.hiperlipidemias, diabetes, mastodinia grave, mastopatia benigna, adenoma hipofisário secretor de prolactina; cefaléias importantes e não habituais, enxaquecas, vertigem, alterações visuais; exacerbação de estado epiléptico; adenoma hepático, icterícia colestática; Cloasm; cefaléia, enxaqueca, edema, peso nas pernas; náuseas, vômitos, cólicas abdominais, alterações de apetite, litíase biliar; alterações de peso, agravamento de porfiria;depressão, nervosismo, vertigem, alterações da libido; pêlo e fâneros; rash, eritema nodoso, acne, melasma, hirsutismo, alopecia, seborréia; intolerância a lentes de contato, neurite ótica; suspensão da metrorragia, spot, troca no padrão menstrual, amenorréia, mudança no ectópio e secreção vaginal, vaginite, tensão mamária, hipertrofia mamária e secreção.

Apresentação

Caixa com blister-calendário de alumínio/plástico incolor, com 24 comprimidos ativos brancos contendo 15 mcg de etinilestradiol e 60 mcg de gestodeno mais 4 comprimidos inativos amarelos

Interações Medicamentosas

A redução da eficácia dos anticoncepcionais orais, o aumento da incidência de sangramento e irregularidades menstruais tem sido associados com a utilização da rifampicina.

Laboratório

Farmoquímica S.A.

SAC 0800-250110

publicidade